0








Na tarde desta sexta-feira (1º), por volta das 16h45, no cruzamento da Av. Castro Alves (BR-163) e Av. Campo Grande em Mundo Novo/MS, dois ex-militares da cidade de Naviraí/MS, foram assassinados com vários tiros de arma de fogo, por pistoleiros que estavam em uma moto.
Segundo informações colhidas no local, os nomes das vítimas são Hélio Almeida e Valdomiro Ribeiro.
Estiveram presentes integrantes da Polícia Militar, investigadores da Polícia Civil de Mundo Novo/MS, além do corpo de bombeiro e o veículo da funerária responsável pela retirada dos corpos das vítimas do interior do veículo.
Polícias civis que estiveram no local, investigam o caso.

Dois policiais militares da reserva foram assassinados na tarde desta sexta-feira (1ª) em Mundo Novo, a 462 quilômetros de Campo Grande. Segundo a Polícia Militar a dupla foi morta com vários tiros de pistola .40
De acordo com informações preliminares, as vítimas estavam em Vectra branco e seguiam em sentido de Naviraí quando no cruzamento entre a BR-163 (que corta a cidade) e a Avenida Campo Grande foram abordados pelos autores. 
Conforme informações divulgadas pelo repórter César Galeano, os suspeitos estavam em uma motocicleta e efetuaram mais de 13 disparados contra o veículo. Os homens foram atingidos e morreram no local.
As vítimas, identificadas como Elio Almeida Sousa e Valdomiro Ribeiro de Souza, conhecido como Boneco, eram policiais militares da reserva de Naviraí. 
Informações que circulam em grupos de WhatsApp denunciam que os ex-militares eram de Naviraí e estavam envolvidos com a mafia do cigarro e já foram presos pela Polícia Militar e Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado) durante a Operação Fumus Malus (Fumaça do Mal) em 2011.
A Polícia Civil e Militar, além da perícia, estão no local do crime. (Matéria alterada às 19h15 para acréscimo de informações) 

Postar um comentário

 
Top