0


O delegado federal da DFDA-MS (Delegacia Federal da Agricultura Familiar), em Mato Grosso do Sul, Dorival Betini, cumpre a partir desta quinta-feira (21) uma extensa agenda pública, na qual lançará o Plano Safra 2017/2020 e apresentará as políticas públicas do órgão ao longo do ano. 

Este ano será disponibilizado R$ 30 bilhões em crédito para a agricultura familiar em todo o país e o acesso é ilimitado para os agricultores do Estado este ano.
Segundo ele, os juros do Pronaf (Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar) permanecem baixos, variando entre 2,5% e 5,5% ao ano.

Betini começa a agenda às 10 horas desta quinta, na Câmara Municipal de Tacuru, onde se reunirá com prefeitos, vereadores e agricultores familiares para expor os investimentos da DFDA-MS no setor de agricultura.

Além do Plano Safra, e as políticas públicas, será anunciado também o crédito fundiário que, segundo Betini, foi totalmente remodelado, disponibilizando novos valores e maior prazo de carência e prazo para pagamento.

 O crédito fundiário disponibilizará este ano R$ 140 mil para cada produtor rural com três anos de carência e 30 anos para pagamento da dívida. Os recursos são para aquisição de lotes de terra.
O delgado informou que antes, o crédito previa a liberação de apenas R$ 80 mil por pessoa com dois anos de carência e 25 anos para pagamento.

De acordo com a agenda, o delegado estará às 14 horas na cidade de Sete Quedas, onde cumprirá, também na Câmara de Vereadores, a mesma programação de anúncios de investimentos para a região.

Na sexta-feira (22), às 9 horas, Betini estará na Câmara de Vereadores de Itaquiraí e no sábado, às 8 horas, entregará Patrulha Mecanizada na cidade de Batayporã, por meio de emenda parlamentar do deputado federal Zeca do PT.

O delegado encerra a agenda no sábado às 12 horas no município de Ivinhema, onde também entregará Patrulha Mecanizada aos agricultores locais.


 Willams Araújo

Postar um comentário

 
Top