0


RIO DE JANEIRO | RJ – Traficantes deixaram faixas, na tarde desta terça-feira, com ameaça de morte aqueles que roubarem na região da Praça Seca, na Zona Oeste do Rio. “Proibido roubar. Se roubar vai morrer. Não é pra um, nem pra dois. É pra geral”, diziam as mensagens, que foram deixadas na Rua Barão, colada ao muro da Clínica da Família Newton Bethlem, e na Rua Marangá.

“Como a PM não atua nas ruas acima da Cândido Benício, sentido morro São José Operário, os chefes do CV decidiram ‘colaborar’ com os moradores”, escreveu uma internauta.
Nas redes sociais, moradores relataram que as faixas foram recolhidas pelo 18º BPM (Jacarepaguá) por volta das 16h. No entanto, a Polícia Militar informou que a corporação tem como atribuição o patrulhamento ostensivo e ordinário nas ruas e bairros de todo o Estado. “Materiais como esses são provenientes de ações orquestradas que devem ser investigadas pela Polícia Civil”, disse em nota.

Postar um comentário

 
Top