0

O medo de falar em público ocupa lugar de honra na lista dos medos que acometem o ser humano. Frequentemente está em primeiro lugar. Antes mesmo do medo da morte. Já imaginou isso? O que é muito esclarecedor, quando pensamos no número de pessoas que evita falar em público.


Mas Ralph Waldo Emerson tinha a solução quando disse:

Faça aquilo que você mais teme, e a morte do medo é certa”.


Vencer esse temor, no entanto, requer prática e tempo, mas há algumas coisas que você pode fazer AGORA, para melhorar, significativamente, a qualidade de suas apresentações e aumentar sua segurança, na hora de falar em frente a uma audiência.

Entretanto segue um alerta, as estratégias a seguir não vão funcionar tão bem como deveriam, se você não dominar o conteúdo da sua apresentação. O nervosismo de quem não se preparou bem, não é medo de falar em público, é um sinal de preocupação daquela pessoa que sabe que está despreparada.

Mas se seu conteúdo está na sua cabeça, então aqui estão algumas estratégias que podem elevar o nível da sua apresentação, e lhe trazer a paz de espírito que você precisa.


1# Não conte com a sorte


Ao invés de contar com a sorte, de que tudo vai dar bem em sua apresentação, há algumas medidas práticas que você pode tomar, para eliminar fontes de distração e preocupação durante sua apresentação.

Chegue mais cedo e verifique as luzes, o sistema de som, microfones, e os equipamentos eletrônicos. Se for usar algum apoio eletrônico, cheque se os arquivos, vídeos, imagens de sua apresentação estão funcionando perfeitamente. Faça um ensaio breve para ter certeza de que tudo está certo.

Se você tornar isso um hábito você irá detectar problemas antes mesmo de acontecerem, e evitar estresse desnecessário.


2# Imprevistos acontecem


Mesmo com todo o seu cuidado, imprevistos acontecem. Datashows quebram, computadores travam; pendrives se corrompem e ficam ilegíveis. As possibilidades são muitas e você deve se preparar para elas.


E se o sistema de som falhar e eu não puder passar aquele vídeo que pensei?

E se os gráficos coloridos que eu iria usar ficarem ilegíveis?

E se alguém da audiência me interromper constantemente com perguntas?


Você é a melhor pessoa para saber o que você vai fazer quando você estiver nesta situação. Portanto, entenda que pensar nessas situações também faz parte da sua apresentação. Tire um tempo para pensar nos imprevistos e o que você fará se acontecerem. A apresentação vai além do conteúdo que você vai falar.


3# A preparação começa em casa


Ter a mente descansada e um corpo relaxado no momento da sua apresentação, pode fazer uma grande diferença no seu estado de espírito, nos momentos que antecedem o início da mesma.

Ou você acha que você com fome, com sono, e num estado de tensão vai fazer uma apresentação com a mesma qualidade daquela que você faria se tivesse se preocupado em se alimentar, descansar e relaxar?

Não vai não!

Portanto, três dicas infalíveis para alinhar seu corpo com seu espírito:


  • Durma um pouco mais do que o normal no dia antes de uma apresentação importante;

  • Tome um café da manhã leve, mas rico em proteínas;

  • Se já não é seu hábito, faça algum tipo de exercício no dia da apresentação, se possível momentos antes dela. Dê uma caminhada de  10 minutos, faça marinheiros, pule corda, faça alguns alongamentos.


Faça isso uma vez antes da próxima apresentação, e observe se você não se sentirá uma versão melhorada de si.


#4 Use o tempo a seu favor


Você já teve a oportunidade de ir para uma apresentação de 25 minutos que durou 1 hora e meia?

Isso é péssimo, por uma série de razões. Quando você não respeita o tempo que tinha para se apresentar você perde muito.

Você cansa a audiência, que não estava preparada psicologicamente para todo esse tempo.

Você desrespeita a apresentação que vinha depois da sua e que agora terá menos tempo para falar.


Não seja essa pessoa!

Sempre, sempre, sempre, prepare sua apresentação para ser concluída antes do prazo que lhe deram. Não serão 10 minutos a menos numa apresentação de 60 minutos que comprometerão a qualidade da mesma.

Esse é um excelente modo de demonstrar respeito pelo tempo de sua audiência.


#5 Construa uma imagem de profissionalismo


Uma parte disso você consegue com os passos anteriores. Você cuidou das coisas antes de começar a falar: Iluminação, sistema de som, microfones, computadores, datashow, lembra?

Você já cuidou disso chegando mais cedo e testando. Seus arquivos você também já verificou. As chances de algo dar errado diminuem.

E se derem errado você já pensou em alternativas também, não foi?

Percebe como isso vai lhe deixando com um maior equilíbrio emocional para lidar com o que quer que possa acontecer a partir daqui? Se alguma coisa ainda der errado, o que realmente importa é como você reage.

Você fez sua parte. Cuidou do que pôde pensar. Você não será a pessoa que usa esses tipos de frase:


Me desculpem, mas não tive tempo suficiente de preparar uma apresentação melhor.

Eu não sou muito bom nisso, mas vou fazer o meu melhor.

Eu tinha uma ótima apresentação, mas o datashow queimou.

Se você nunca viu alguém falando assim, ainda vai ver, e vai perceber que esse tipo de desculpas não faz você ter respeito pela pessoa, muito pelo contrário, ela provavelmente vai perder seu respeito justamente por conta disso.

Conquiste o respeito da sua audiência com essas pequenas, mas importantes preocupações.


6# O silêncio é seu amigo


O branco é um dos  maiores temores, dentre os receios de quem vai falar em público.

Aqueles segundos de silêncio, onde a audiência espera pelo que você vai dizer, só que você esqueceu o que ia dizer.

Palestrantes inexperientes tentam preencher os silêncios com interjeições com ‘ahhhh’, ‘ehhhh’ ou ainda pior, com desculpas.

Palestrantes confiantes ficam confortáveis com silêncio.

Sabe por que? Porque sabem que, vão acabar lembrando o que iriam dizer, pois se preparam.

Como eu disse no começo, essas estratégias vão dar segurança a quem PREPAROU SEU CONTEÚDO.

Improvisação é uma receita para o fracasso.

Faça uma experiência na próxima vez que fizer uma apresentação, e tiver um branco. Não diga nada até lembrar do que iria dizer. E só então prossiga.

As pessoas não vão lembrar do silêncio. Vão lembrar do que veio depois.


#7 Conquiste a atenção da sua audiência


Se você for usar um apoio visual, como uma apresentação eletrônica use a seguinte regra:

Use o tamanho de fonte com o dobro da média da idade de sua audiência. Logo se  a média das pessoas tiver 30 anos use fonte 60 ou maior.

Se você precisar colocar mais palavra no slide e elas não couberem por causa do tamanho da fonte, isso não significa que você precisa diminuir a fonte, significa que, na realidade, você precisa de uma mensagem mais enxuta.

Com uma mensagem enxuta, você não precisará ficar lendo o slide, e poderá se concentrar na audiência. E se você der sua atenção irrestrita para a audiência, ela  retribuirá lhe dando a dela.

Talvez você já tenha estudado, ou mesmo esteja estudando, com professores que carregam os slides com textos extensos, e como isso é comum, você tenha criado a crença de que todo slide tem de ser assim.

Mas não tem. Uma apresentação pode ser visualmente leve mas MUITO instrutiva.

Veja um exemplo disso na apresentação de Tim Urban sobre Procrastinação.  

Tente fazer uma apresentação tão interessante, que cative a atenção das pessoas, pois o trabalho da audiência não é lhe ouvir, mas seu trabalho é fazer com que queiram lhe ouvir.

Lembre que as dicas aqui apresentadas servem para, qualquer apresentação, de qualquer área.

Esses são cuidados gerais, que vão melhorar a qualidade de sua apresentação, e aumentar a sua segurança durante a mesma, mas não vão substituir preparação e ensaios.


Resultados falam mais alto que intenções


Logo, na próxima chance que tiver de se apresentar, tente usar uma ou mais dessas dicas, e observe como elas vão melhorar significativamente a qualidade de suas apresentações.

Sua segurança também vai aumentar.

Além disso, deixe seus comentário aqui. Trocar experiências com outras pessoas é uma ótima forma de aprender e ajudar os outros ao mesmo tempo.

Postar um comentário

 
Top