0

A eletrificação está chegando para todos. Essa afirmativa poderia ser facilmente aplicada a todos os segmentos de carros novos, afinal, até mesmo picapes e grandes SUVs já estão começando a surgir com motores elétricos e baterias de lítio apenas. Porém, um mercado paralelo vem se formando de forma discreta nos bastidores do setor automotivo.
Antes conversões caseiras, feitas por entusiastas, agora a eletrificação de carros antigos e clássicos vem tomando nova dimensão. A empresa britânica Swindon Powertrain está lançando no mercado um kit de propulsão completo para carros atuais, antigos e clássicos.
Diferente de outras propostas, esta inclui todo o conjunto motriz, não sendo apenas o motor elétrico nesse caso. Além dele, um sistema de transmissão com redução para apenas uma marcha e o diferencial transversal para acionamento dos semieixos das rodas estão embutidos.
Empresa inglesa lança kit de propulsor elétrico para carros antigos
    Pelo menos para carros de tração dianteira, a solução cai como uma luva, pois é compacto e pesa apenas 70 kg ao todo. Para clássicos de tração traseira, que não tenham motorização traseira, a solução é buscar apenas um motor que se encaixe na transmissão antiga. Nos VW a ar, por exemplo, a Swindon parece ter esse sistema que serve também.
    A companhia inglesa não revelou o preço do kit de propulsão, que não inclui baterias e nem o sistema de gerenciamento eletrônico, mas que entrega bons 110 cavalos, suficientes para um bom desempenho em qualquer carro compacto. Essa empresa estaria envolvida ainda na conversão do clássico Mini Morris/Austin em elétrico no Reino Unido.
    Esse movimento para eletrificação de carros antigos e clássicos também chamou a atenção de fabricantes como a Volkswagen, que iniciou um projeto de conversão do Fusca e, mais adiante, de outros modelos a ar em elétricos. Embora o custo seja ainda alto, para quem não for purista, a solução pode ser uma boa saída.
    [Fonte: Jalopnik/Autoblog]

    Postar um comentário

     
    Top