0

Guia de tipo de vinhos para iniciantes

O vinho é uma bebida milenar e tem agradado o paladar de homens e mulheres ao longo da história da humanidade. A bebida pode ser encontrada em diferentes tipos, que são provenientes dos diferentes tipos de uva, de clima e de solos nos quais são plantadas. Muita gente gostaria de conhecer mais sobre os vinhos, mas não sabe muito bem por onde começar, afinal, são tantas as variedades que geralmente é preciso procurar informações antes de adquirir uma garrafa.
Neste post trouxemos um pequeno guia de tipos de vinho para iniciantes, assim, você passa a conhecer algumas opções disponíveis no mercado e já escolhe qual será o próximo vinho a ser degustado.

Vinho tinto

Ao pensar em vinho, a primeira imagem que vem à cabeça é uma taça cheia de um líquido avermelhado e bem escuro. Os vinhos tintos são produzidos em larga escala em todo o mundo e são os preferidos dos brasileiros. Eles são feitos a partir de uvas escuras e devem ser servidos a uma temperatura ideal de 15°C. Dentre os tipos de uva que produzem o vinho tinto encontram-se Cabernet Sauvignon, Merlot, Malbec, Carménère, Pinot Noir e Syrah. Aqui no Brasil, a maioria dos vinhos é feita a partir da Cabernet Sauvignon, pois ela possui cultivo fácil e se adaptou bem ao solo brasileiro. 
Os vinhos tintos se dividem entre os secos, que deixam a língua mais áspera e possuem um sabor mais intenso, e os suaves, mais adocicados. Ainda existe a variação demi-sec, que possui um paladar intermediário. Essas variações dependem da quantidade de açúcar que é utilizada na fabricação da bebida. 
Os vinhos tintos caem bem com carnes vermelhas, carnes de caça de sabor intenso (como javali e capivara), massas de molho vermelho, saladas e até com frutas. 

Vinho branco

Produzidos a partir de uvas com a casca de coloração esverdeada e que produzem um suco mais claro, os vinhos brancos podem ser mais ácidos ou mais doces e são produzidos a partir de uvas como a Sauvignon Blanc e Chardonnay. 
Os vinhos brancos caem muito bem com frutos do mar, peixes, aves, saladas e massas com molho branco ou à base de queijo. São versáteis pois podem ser servidos gelados, além de terem um grande espaço na culinária, sendo um ingrediente muito apreciado em risotos e molhos.

Espumantes

Espumantes são vinhos brancos que passam por um processo de fermentação natural. O gás carbônico é o responsável pela espuma e pelas bolhas em sua apresentação. Dentro o mais famoso desse tipo, está o champanhe, que só pode levar esse nome se for produzido exclusivamente na região de Champagne, na França!

Vinho do Porto

O vinho do porto é mais doce e mais forte, com seu teor alcoólico chegando a 20%. Seu alto grau etílico e doçura são obtidos através da mistura de aguardente de vínica (que é uma aguardente obtida por meio da destilação do vinho) durante a fermentação. Eles possuem diferenciações como o Tawny e o Ruby e normalmente são servidos como aperitivo junto à sobremesa. 

Vinho Rosé

O vinho rosé é obtido através da mistura dos vinhos brancos e tintos ou quando são adicionadas uvas pretas ao mosto (que é a mistura açucarada dedicada à fermentação do vinho). Eles variam desde a coloração alaranjada até uma espécie de roxo translúcido. As uvas mais utilizadas nos vinhos rosé são as Sauvignons, Merlot e Chardonnay. 
Essas são algumas dicas sobre os tipos de vinho para os principiantes nessa área. Com a lista, é possível distinguir algumas características básicas da bebida e ajudar na hora das harmonizações. Gostou da lista ou quer adicionais mais algum conteúdo a ela? Então não deixe de compartilhar nos comentários.

Postar um comentário

 
Top