0


Eles marcam presença nas escolas, aparecem em diversos estúdios e são utilizados em inúmeros trabalhos artísticos. Estamos falando dos lápis de cor, pequenos bastões que transformam desenhos em cenários incríveis e repletos de nuances. A popularidade é tanta que esses materiais compõem a lista de produtos mais vendidos em papelarias.

Mas, afinal, você sabe quais são os principais tipos de lápis de cor? Neste artigo, vamos apresentar as características e finalidades dos modelos mais conhecidos. Acompanhe e defina se vale a pena incluí-los em seu estoque!

Lápis de cor em madeira

São produtos bastante duráveis porque contêm minas resistentes à quebra. Além disso, como a matéria-prima que reveste o miolo é a madeira, o processo de apontar se torna muito mais fácil.

Esse tipo de lápis costuma apresentar formato sextavado. Não é tóxico e a maioria das caixas vem com 12, 24 ou 36 cores. Algumas marcas, inclusive, adicionam peças com tons metálicos ao conjunto — o que garante mais possibilidades ao usuário na hora de compor suas pinturas.

Lápis de cor BIG

É um modelo perfeito para quem quer compor um mix de produtos diferenciados na papelaria. Isso porque é maior que os lápis de cor tradicionais — geralmente, as peças apresentam formato triangular e são consideradas gigantes.

O tamanho facilita o manuseio, fazendo com que o produto seja indicado para crianças a partir de três anos. As caixas costumam apresentar peças feitas em resina reciclada e não tóxica, com 12 cores intensas.

Lápis de cor Eco

São fabricados a partir de uma mistura de resina plástica, pigmentos e cera. Destacam-se pela flexibilidade e capacidade de absorver os impactos das quedas, evitando danos na parte interna. O formato redondo é o mais comum nesse tipo de lápis, que também é atóxico e, portanto, seguro para pessoas de todas as idades.

As caixas podem ter 12 ou 24 cores e costumam ser mais acessíveis que outros modelos. A mina macia e o tamanho compacto são características marcantes das versões Eco.

Lápis de cor aquarelável

Esses modelos vêm em caixas com tamanhos variados, de 12 até 42 cores. São muito buscados por pessoas que querem obter tons mais saturados e o famoso efeito “aquarela” no papel. Apesar de o nome indicar um estilo de pintura específico, esses lápis podem ser utilizados com ou sem água.

No modo seco, a arte fica com um aspecto granular, mais grosseiro. Já a técnica molhada proporciona um deslize suave que ajuda a misturar diferentes tonalidades ou esfumaçar o desenho. Algumas marcas até incluem um pincel no kit para facilitar a obtenção das cores com o uso da água.

Esses são os principais tipos de lápis de cor encontrados no mercado. Ainda que compense investir nas versões mais procuradas pelos consumidores, nada impede que você trabalhe com diversos modelos. A variedade permitirá atrair e agradar mais clientes, portanto, procure bons fornecedores que possam atender suas necessidades.

A BRW Suprimentos trabalha com diferentes lápis de cor. Entre em contato conosco e conheça todas as opções disponíveis dentro dessa categoria!

Postar um comentário

 
Top